Segundo informações do USA Today, o ator Mark Wahlberg teria se recusado a aceitar  Christopher Plummer como substituto de Kevin Spacey, a menos que fosse pago por isso, já que o contrato do ator permitia que ele teria de aprovar os colegas de elenco.

De acordo com duas fontes anônimas, Wahlberg exigiu cerca de US$ 1 milhão e dito:

“Eu não vou aprovar Christopher Plummer a menos que vocês me paguem”.

Ainda no relatório diz que o advogado de Wahlberg o teria vetado de fazer qualquer participação na produção até o pagamento da quantia adicional exigida fosse recebida.

Essa notícia veio logo depois da polêmica da diferença salarial entre Mark Wahlberg e Michelle Williams para a refilmagem.

Wahlberg e o advogado do ator ainda não se manifestaram para comentar sobre o caso.

As refilmagens aconteceram depois das acusações de assédio contra Kevin Spacey (confira aqui).

Baseado em fatos reais, história gira em torno do sequestro de John Paul Getty III. Herdeiro de um império do petróleo ele foi levado por criminosos em 1973 e sua mãe, Abigail Getty, teve que lutar para fazer o avô da vítima, na época homem mais rico do mundo, pagar o resgate.

 Estreia no Brasil está marcada para 25 de janeiro.

 

Comments

comments