Sinopse:

“Um ano após a volta de Will, tudo parece ter voltado ao normal… Mas a escuridão espreita sob a superfície, ameaçando toda a cidade de Hawkins”.

Stranger Things está de volta, mesmo a tempo do Halloween.

Estamos em 1984 e os cidadãos de Hawkins, Indiana, ainda estão se recuperando dos horrores do Demogorgon (monstro do Dungeons & Dragons) e dos segredos do Laboratório de Hawkins. Will Byers foi resgatado do Mundo Invertido, mas uma entidade maior e mais sinistra ainda ameaça os que sobreviveram.

A nova temporada inicia-se com Will tendo vestígios do mundo invertido, logo no final da primeira temporada na última cena Will vai ao banheiro e vomita uma espécie de larva.

Novos personagens entraram para o elenco, como os irmãos  Max e Billy, além do Detetive Murray Bauman, Dr. OwensKali (Eight) a irmã da Jane Ives (Eleven), nessa temporada ela embarca na sua história buscando entender o seu lugar no mundo.

Logo no início coisas estranhas acontecem com Will, em uma delas ele sai da loja de fliperama em que os amigos se divertem e tentam bater recordes. O céu, já escuro, é tingido por nuvens vermelhas, tentáculos se desprendem do firmamento e will congela um olhar arregalado de resignação. Tudo de novo outra vez.

Nancy e Steve vão jantar com os pais da Barb, mas antes de entrar na casa notaram a placa de vende-se, nessa cena que o Detetive Murray Bauman (tratado pela polícia como o louco da teoria da conspiração) se encaixa, ele foi contratado para buscar respostas que os pais precisam sobre o que aconteceu de verdade com sua filha.

Quando o Will vai ao laboratório de Hawkins (o que virou algo comum na sua vida) acompanhado pela sua mãe e o Delegado Hopper, conhecemos o Dr. Owens (por incrível que pareça ele é até bonzinho), seu papel é limpar a bagunça deixada pelo Dr. Martin Brenner, mas alguns posicionamentos dele deixaram algumas perguntas sobre os experimentos do Departamento de Energia para a próxima temporada. O mesmo vale para as revelações sobre o passado da Eleven. No episódio “A Irmã Perdida“, mostrou que ela não está sozinha e que existem outros como ela, afinal se fizeram a 011 e 008 consequentemente tiveram alguns antes delas, nesse episódio notasse um amadurecimento dela e também deixou escapar a possibilidade do Dr. Martin Brenner ainda estar vivo, além da ligação dela com a mãe, coisas que não ficaram claras mas que serão esclarecidas no decorrer da próxima temporada.

Logo no início conhecemos o monstro que persegue Will e o deixa completamente assustado, não só pelo tamanho, mas pela sensação de destruição que ele traz, nessa temporada descobrimos que ele ganhou uma “habilidade”, ao mesmo tempo que está no seu mundo, ele consegue se conectar ao mundo invertido uma vez que fica assustado ou distraído com algo, a sensação só piora no decorrer da temporada. Will sofre muito bullying, com exceção dos seus amigos e dos adultos, os jovens e as crianças não perdoam, ele é chamado de “Zombie” e sempre quando vai a algum lugar percebe que todas as pessoas ficam olhando para ele e o tratando diferente, afinal ele ficou conhecido na cidade como “o garoto que voltou a vida” com exceção do Bob Newby (namorado da sua mãe nessa temporada), em uma das cenas Bob encoraja Will a enfrentar seus medos e mandar eles irem embora (o que sabemos que não deu certo).

Lembram daquela “larva” que o Will vomitou no último episódio da primeira temporada? Pois bem, ela foi parar no lixo da casa do Dustin, em uma cena completamente recheada de nostalgia, ele tinha ido com os amigos vestidos de Caça-Fantasmas pedir “Doces ou travessuras” no Hallowem ao chegar em casa ele percebe que tem algo de estranho no seu lixo, ele prepara o canhão de próton (dando aquela sensação clássica dos caça fantasma), quando encontra um animal um tanto quanto diferente.

Dustin o levou para o seu quarto, deu chocolate e colocou o nome de D’Artagnan (Por causa do nome do chocolate e fazendo uma ligação com os três mosqueteiros), um laço um tanto quanto estranho, mas no final vocês vão entender o que isso vai gerar.

Nessa temporada Nancy não aguenta mais carregar o sentimento de culpa pela morte da sua melhor amiga Barb, ela acaba desabafando com Jonathan, que também quer fazer algo por isso, por sentir que tudo mudou, os dois se unem e vão atrás de provas para fechar o laboratório de Hawkins, quando conseguem gravar uma conversa que tiveram com o Dr. Owens, eles vão ao encontro do Detetive Murray Bauman, um cara um tanto quanto estranho que cria suas teorias através da Vodka, nessa cena ele começa a descrever as características dos dois e diz que eles só não estão juntos porque Nancy segue regras e Jonathan é inseguro por causa do pai, em uma cena que eu não achava que fosse acontecer, finalmente os dois ficaram juntos.

Em resumo, porque eu acho que já dei muito spoiler, a série reúne várias referências do mundo nerd e da alguns destaques a alguns personagens para responder as perguntas que ficaram, pra variar os irmão Matt Duffer e Ross Duffer fizeram um excelente trabalho.

NOTA FINAL:

FICHA TÉCNICA

Direção:  Matt Duffer e Ross Duffer
Roteiro:  Matt Duffer e Ross Duffer
Título Original: Stranger Things
Gênero: Aventura/Ficção Científica/Suspense
Duração: 60 min por episódio
Elenco: Winona Ryder, David Harbour, Finn Wolfhard, Millie Bobby Brown, Gaten Matarazzo, Caleb McLaughlin, Natalia Dyer, Charlie Heaton, Cara Buono, Matthew Modine, Noah Schnapp, Joe Keery, Sadie Sink, Dacre Montgomery, Sean Astin e Paul Reiser
Classificação etária: Não recomendado para menores de 16 anos
Lançamento: 27 de outubro de 2017

Comments

comments