“Ela é a mulher universal idealizada”

Em entrevista Patty Jekins, diretora de Mulher Maravilha, falou um pouco sobre a personagem e fez algumas comparações da sua grandeza como com a que o Superman tem para os homens.

“Mulher Maravilha é o ideal arquetípico da maior mulher de todos os tempos. Ela não é uma mulher específica de apenas um certo tipo. Ela é a mulher universal idealizada, não muito diferente do que o Superman é para os homens.”

Na sinopse, antes de se tornar Mulher-Maravilha, ela era Diana, princesa das Amazonas, treinada desde cedo para ser uma guerreira imbatível. Diana foi criada em uma paradisíaca ilha afastada de tudo, até que encontra um piloto norte-americano que sobreviveu a uma queda de avião. Ele conta que o mundo está enfrentando uma guerra. Pela primeira vez, Diana decide abandonar a casa, convencida de que pode dar um fim no conflito. Lutando ao lado dos homens na guerra, ela vai descobrir seus poderes e seu verdadeiro destino.

Personagem interpretada por Gal Gadot teve sua primeira aparição em Batman vs Superman: A Origem da Justiça, e agora terá seu filme solo com estreia marcada para 1º de junho de 2017, conta com Chris Pine, Robin Wright, Danny Huston, Elena Anaya. A direção fica a cargo de Patty Jenkins .

 

Comments

comments